quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

MY FAVORITE THINGS - PEDAÇO 3

Bom dia pessoas lindas que passam aqui e deixam recados, e também para as que passam e não deixam... hoje temos um dia lindo aqui na capital mais cosmopolita do mundo... sol, calor e um céu querendo nublar... tomara que não chova na hora de sair do trabalho... kkkkkk...




Continuando com o meu tecidinho... o pedaço de hoje fala muito alto ao meu coração... e acho que ao coração de muita gente... olha que lindo:





É... há uns anos atrás eu não colocaria minha casa na minha ecobag de “My favorite Things’... porque não tinha um ambiente harmônico, haviam muitas desavenças, a energia ficava pesada... era um caos... o tempo passou, aprendi a ser mais tolerante, aprendi a mudar minha forma de reagir à personalidade das outras pessoas... e hoje, com certeza minha casa seria o primeiro bloco da minha ecobag... já ouvi dizer que pessoas que viajam e sentem falta da casa, é porque estão velhas... porque perderam o espírito da aventura... então, estou velha e não sou aventureira... porque mais que dois dias longe da minha casa, do meu gato, das minhas coisas já vai me deixando impaciente... é como se minha energia não se renovasse, é como se minha alma tivesse perdido o viço... sinto uma coisa tão boa quando entro em casa que não sei explicar... seria como alguém faltando um pedaço e que lá dentro encontrasse essa parte faltante... amo minhas coisas, a casa não é minha, é alugada mas amo cada cantinho, gosto de estar ali, ver as estantes cheias de livros, olhar para a rua pela enorme janela que tem na sala.... dormir ouvindo o barulho dos carros passando na rua... brincar com meus gatos no chão enorme da sala... ver um pouco de TV... nossa... é ali meu canto, meu lugar... também já ouvi dizer que o ambiente da casa quem faz somos nós... que podemos ter essa sensação em qualquer lugar que moremos... pode ser... porque de uns anos para cá tenho estado em completa consciência de tudo à minha volta... ando completamente de bem com a vida... pode ser isso então... o fato é que hoje, minha casa faz parte das ‘Minhas coisas favoritas’... e me orgulho muito disso...



Fico imaginando que cada lugar do mundo tem seu tipo de moradia... e acho que até o eskimó que mora no iglu gelado também sente a conexão energética dentro de sua redonda casa... por isso sempre que vejo um irmão em condição de morador de rua, oro muito... pois deve ser terrível não ter um ‘lar’... uma vez um deles me disse que morava numa caixa de papelão e que, para ele, esse era o melhor lugar do mundo... com certeza na ecobag dele também teria a casa... a caixa... o lar...



E você ? Sente essa conexão mágica com sua casa ? Sente que ali é o lugar onde você recarrega as baterias para as labutas de cada dia ? Tem vontade de sempre voltar para casa no final do dia, ou é daquelas pessoas que sai direto para outros lugares e volta apenas na hora de dormir ? Sente sua casa como uma parte de você ? Também acha que nós que fazemos a moradia com nossa energia ? Então... sua casa hoje é um lugar extremamente acolhedor ? Sente-se bem ali ?



A bola da vez hoje é a nossa casa... vamos pensar nisso... e fazer do nosso lar sempre um lugar de muita paz, luz e amor... Fiquem com DEUS...

Um comentário:

Mami's disse...

Helena

Que estampas lindas!
Adorei.
Saudade.
Um abraço bem apertado.
Carmo